Lucro do Grupo Pão de Açúcar cresce 27,5% no 4o tri e supera estimativas

quinta-feira, 13 de fevereiro de 2014 23:05 BRST
 

RIO DE JANEIRO, 13 Fev (Reuters) - O Grupo Pão de Açúcar viu seu lucro subir 27,5 por cento no quarto trimestre em bases anuais, ficando acima da previsão de analistas, apesar do ambiente mais competitivo e de menor crescimento para o varejo brasileiro como um todo.

O lucro líquido subiu para 687 milhões de reais entre outubro e dezembro de 2013, ante 539 milhões de reais no mesmo período de 2012, enquanto a média das projeções de analistas apontava para um resultado de 560 milhões de reais no período.

O crescimento se deu em meio a ambiente macroeconômico desafiador para o todo o varejo. O IBGE divulgou nesta quinta-feira, que as vendas do varejo brasileiro recuaram 0,2 por cento em dezembro e fecharam o ano passado com alta de 4,3 por cento, na pior expansão em 10 anos.

"Mesmo com esse cenário menos favorável, o GPA mostrou capacidade e agilidade para adequar sua estratégia de acordo com os rumos do mercado", disse a companhia em comunicado nesta quinta-feira.

Por um lado, a maior competição afetou a margem bruta da varejista, que recuou 2 pontos percentuais em relação ao mesmo período de 2012, para 26,1 por cento, afetada pelo investimento em competitividade na operação do Varejo Alimentar, intensa atividade promocional da Black Friday, especialmente na Via Varejo e Nova Pontocom, segundo a empresa.

A companhia já havia divulgado em janeiro que a receita líquida consolidada, excluindo os empreendimentos imobiliários, subiu 16,2 por cento no quarto trimestre sobre o resultado do mesmo período de 2012, a 16,89 bilhões de reais. Levando em consideração também os empreendimentos imobiliários, o crescimento da receita foi de 15,8 por cento.

"A receita bruta consolidada totalizou 18,8 bilhões no quarto trimestre, com crescimento de 14,9 por cento. Esse resultado foi favorecido pelo crescimento das vendas ‘mesmas lojas' (abertas há mais de 12 meses) de 10,8 por cento, seguindo a tendência de desempenho apresentado no trimestre anterior", disse a empresa.

O lucro antes dos juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda, na sigla em inglês) caiu 1,9 por cento ante o mesmo período em 2012, para 1,307 bilhão de reais.

RESULTADOS POR SEGMENTO   Continuação...