Renova e Cemig informam pagamento pela Chipley por 51% da Brasil PCH

segunda-feira, 17 de fevereiro de 2014 07:23 BRT
 

SÃO PAULO, 17 Fev (Reuters) - A Renova Energia e a Cemig informaram na noite de sexta-feira que a Chipley Participações, subsidiária de ambas, realizou na referida data o pagamento pela aquisição de 51 por cento da Brasil PCH, pelo valor atualizado total de 739,9 milhões de reais.

A Chipley, sociedade da Renova e da Cemig GT, adquiriu 49 por cento das ações da Brasil PHC da Petrobras e outros 2 por cento da Jopelba. A operação havia sido anunciada no fim de outubro.

Na ocasião, as empresas disseram que dariam prosseguimento ao acordo de investimento para entrada da Cemig GT no bloco de controle da Renova após a conclusão do negócio.

A Cemig informou em comunicado que as ações da Petrobras na Brasil PCH foram adquiridas por um valor atualizado de 710,9 milhões de reais, sendo que a fatia da Jopelba saiu por 29 milhões de reais.

Em comunicado à parte, a Renova disse que seu Conselho de Administração deve ainda aprovar um aumento de capital no valor total de até 3,236 bilhões, pelo preço de emissão de 16,2266 reais por ação, dentro de um acordo de investimento.

A Brasil PCH detém 13 pequenas centrais hidrelétricas (PCHs) com capacidade instalada de 291 megawatts (MW) e 194 MW médios de energia assegurada. Todas as PCHs têm contratos de venda energia por 20 anos no âmbito do Proinfa.

(Por Roberta Vilas Boas; Edição de Marcela Ayres)