Chefe da Suntory diz que compra da Beam ajudará expansão nos BRICs

segunda-feira, 17 de fevereiro de 2014 12:14 BRT
 

OSAKA, Japão, 17 Fev (Reuters) - O chefe da japonesa Suntory Holdings disse nesta segunda-feira que a aquisição da fabricante norte-americana de whiskey Beam por 13,6 bilhões de dólares ajudará a fabricante japonesa de destilados a se expandir nos mercados emergentes do Brasil, Rússia, Índia e China.

Sob o acordo, anunciado no mês passado e que soma 16 bilhões de dólares incluindo dívidas, a Suntory pagou um bônus de 25 por cento sobre o preço das ações da Beam à época, levando muitos a sugerir que havia pago um preço excessivo.

"Por 1,7 trilhão de ienes (16,7 bilhões de dólares), nós compramos um sonho para o futuro e um crescimento global para os próximos 10 a 30 anos", disse o presidente do Conselho de Administração da companhia japonesa, Nobutada Saji, para uma coletiva de imprensa em Osaka. "Não acho que tenha sido caro".

(Por Ritsuko Shimizu)

 
O presidente do Conselho da Suntory Holdings, Nobutada Saji, fala durante uma coletiva de imprensa em Osaka. O chefe da japonesa Suntory Holdings disse nesta segunda-feira que a aquisição da fabricante norte-americana de whiskey Beam por 13,6 bilhões de dólares ajudará a fabricante japonesa de destilados a se expandir nos mercados emergentes do Brasil, Rússia, Índia e China. 17/02/2014 REUTERS/Kyodo