Decisão dos EUA sobre importação de tubos de aço atinge fabricantes europeias

quarta-feira, 19 de fevereiro de 2014 13:07 BRT
 

PARIS, 19 Fev (Reuters) - As ações das fabricantes europeias de tubos de aço Tenaris e Vallourec despencaram nesta quarta-feira, depois que autoridades comerciais dos Estados Unidos decidiram não impor tarifas sobre as importações da Coreia do Sul que competem com seus produtos no mercado norte-americano.

O Departamento de Comércio dos EUA lançou uma investigação em julho passado em resposta a uma petição feita pelas duas companhia europeias e outras empresas que incluem a Northwest Pipe Company.

O grupo reclamou que os fabricantes sul-coreanos, indianos e de outros sete países estavam vendendo tubulações de aço usadas pela indústria de petróleo e gás a preços desleais nos EUA.

Na decisão preliminar de 18 de fevereiro, o departamento afirmou que considerou como dumping as importações de produtos da Índia, Filipinas, Arábia Saudita, Taiwan, Tailândia, Turquia, Ucrânia e Vietnã. Porém, no caso das sul-coreanas Hyundai Hysco e Nexteel, a avaliação não foi a mesma.

A francesa Vallourec, que tem operações no Brasil, afirmou que a decisão do departamento comercial norte-americano é preliminar e que uma nova investigação deverá ser iniciada.

As ações da Tenaris, que integra o grupo de controle da brasileira Usiminas, recuavam quase 7 por cento às 12h54 (horário de Brasília). No mesmo horário, as ações da Vallourec tinham recuo de 4,79 por cento.

(Por Michel Rose)

 
Um homem trabalha perto de tubos de aço em uma siderurgia em Seul. As ações das fabricantes europeias de tubos de aço Tenaris e Vallourec despencaram nesta quarta-feira, depois que autoridades comerciais dos Estados Unidos decidiram não impor tarifas sobre as importações da Coreia do Sul que competem com seus produtos no mercado norte-americano. 10/04/2008 REUTERS/Lee Jae-Won