Exportações brasileiras de carne de frango crescem 3% em janeiro, mas receita recua

quarta-feira, 19 de fevereiro de 2014 16:58 BRT
 

SÃO PAULO, 19 Fev (Reuters) - As exportações brasileiras de carne de frango cresceram 3,2 por cento em janeiro ante o mesmo mês do ano passado, totalizando 299,7 mil toneladas, impulsionadas por embarques maiores para o Oriente Médio e Ásia, informou nesta quarta-feira a associação que reúne a indústria aviária.

Apesar do aumento do volume embarcado, a receita em dólar recuou 4,4 por cento na mesma comparação, para 565,7 milhões de dólares, segundo a União Brasileira de Avicultura (Ubabef).

"Os dados do volume dos embarques de carne de frango confirmam o comportamento positivo esperado para o setor neste ano. A queda em receita, entretanto, decorre de ajustes pontuais em mercados de frango inteiro", disse em nota o presidente da Ubabef, Francisco Turra. A entidade, porém, não detalhou em quais mercados houve redução de preços.

O acompanhamento mensal da Secretaria de Comércio Exterior do Ministério do Desenvolvimento apontou no começo do mês uma queda de quase 10 por cento no preço médio da tonelada embarcada.

A Ubabef espera um volume recorde de vendas neste ano de 4 milhões de toneladas.

O levantamento da Ubabef mostrou que o Oriente Médio foi o principal destino para o frango brasileiro, com 111 mil toneladas, volume 4,2 por cento superior ao registrado em janeiro de 2013, sendo seguido pela Ásia com 92,4 mil toneladas, com alta de 12,3 por cento.

A União Europeia também elevou as suas importações em 1,9 por cento, para 36,1 mil toneladas.

Já as vendas para a África recuaram 7,9 por cento, a 37,2 mil toneladas, enquanto os embarques para as Américas caíram 9,8 por cento, a 16,8 mil toneladas.

(Por Fabíola Gomesl)