Mercado de gestão de fortunas no Brasil desacelera pelo 2º ano em 2013

quinta-feira, 20 de fevereiro de 2014 18:51 BRT
 

SÃO PAULO, 20 Fev (Reuters) - O mercado de gestão de fortunas no Brasil desacelerou pelo segundo ano consecutivo em 2013, afetado pelo fraco desempenho dos ativos de renda variável, informou nesta quinta-feira a Anbima, que representa as entidades do mercado financeiro.

O volume de recursos sob gestão no segmento conhecido como private banking fechou o ano em 577,2 bilhões de reais, 9,5 por cento maior que um ano antes. Em 2012 e 2011, os crescimentos haviam sido de 21,4 e 21,6 por cento, respectivamente.

Na evolução dos recursos por ativo, previdência aberta teve a maior taxa de crescimento, ampliando a participação no volume total de 3,3 por cento em 2010 para 6,5 por cento em 2013.

O crescimento das aplicações em fundos de investimentos, de 11,8 por cento, levou o volume total desses ativos a superar o volume aplicado diretamente em títulos e valores mobiliários, que cresceu apenas 4,8 por cento.

(Por Aluisio Alves)