Confiança da indústria brasileira recua 1,0% em fevereiro, diz FGV

quarta-feira, 26 de fevereiro de 2014 08:19 BRT
 

SÃO PAULO, 26 Fev (Reuters) - O Índice de Confiança da Indústria (ICI) brasileira recuou 1,0 por cento em fevereiro em relação ao que foi registrado no final do mês anterior, informou a Fundação Getulio Vargas nesta quarta-feira.

O indicador passou a 98,5 pontos, ante 99,5 pontos em janeiro, quando houve queda de 0,4 por cento.

O Índice da Situação Atual (ISA) recuou 1,3 por cento, para 99,6 pontos, influenciado principalmente pelo quesito que mede as percepções em relação ao nível de estoques.

Já o Índice de Expectativas (IE) mostrou queda de 0,7 por cento, para 97,4 pontos, com destaque para o quesito que mede as expectativas com a produção no curto prazo.

"A combinação de resultados mostra que o setor continua em ritmo lento no primeiro trimestre do ano e está pouco confiante em uma recuperação ao longo do primeiro semestre", avaliou a FGV.

Segundo a FGV, o Nível de Utilização da Capacidade Instalada (NUCI) permaneceu estável em 84,6 por cento em fevereiro.

A produção industrial brasileira registrou em dezembro passado o pior resultado mensal em cinco anos ao recuar 3,5 por cento, depois de um ano de comportamento errático que dificultou a recuperação da economia como um todo.

O mercado aguarda agora a divulgação na quinta-feira dos dados sobre o Produto Interno Bruto (PIB) no quarto trimestre do ano passado e de 2013 como um todo.

(Por Camila Moreira)