Wall St fecha estável; varejistas saltam pelo 2º dia

quarta-feira, 26 de fevereiro de 2014 19:30 BRT
 

Por Caroline Valetkevitch

NOVA YORK, 26 Fev (Reuters) - As ações dos Estados Unidos fecharam estáveis nesta quarta-feira, com investidores relutando em fazer grandes apostas antes do pronunciamento da chair do Federal Reserve, Janet Yellen, apesar das ações de varejistas terem subido pelo segundo dia consecutivo.

O índice Dow Jones avançou 0,12 por cento, para 16.198 pontos. O índice Standard & Poor's 500 ficou estável, a 1.845 pontos. O termômetro de tecnologia Nasdaq subiu 0,10 por cento, para 4.292 pontos.

Os papéis da Target Corp e da Lowe's saltaram após resultados positivos e foram as ações que mais somaram pontos ao S&P 500. O índice de varejo do S&P 500 subiu mais de 1 por cento pela segunda sessão seguida. Após o fechamento, a ação da J.C. Penney subiu 4 por cento, para 6,20 dólares, após divulgar seu balanço.

O S&P 500 mais uma vez superou brevemente o nível de fechamento de 2013, de 1.848 pontos, mas não foi capaz de fechar acima desse patamar de resistência. O índice ainda acumula queda de 0,2 por cento no ano.

"De uma perspectiva técnica, estamos batalhando com o zero a zero no ano para o S&P 500", disse o vice-presidente de pesquisa do Schaeffer's Investment Research, Todd Salamone. "Parece.... que não há comprometimento firme para levar o S&P a superar novamente esse nível".

Mas ele disse que o mercado também parece estar aguardando quinta-feira, quando Yellen fará pronunciamento ao Comitê Bancário do Senado em comentário semestral sobre política monetária. Esse evento, originalmente marcado para 13 de fevereiro, teve de ser adiado por conta de uma forte nevasca que atingiu Washington na ocasião.

Suas declarações serão atentamente analisadas em busca de pistas sobre quanto o inverno inesperadamente rigoroso afetou a atividade econômica, além de confirmação de que o Fed vai manter o passo de redução de estímulos.