Inadimplência no Brasil sobe a 4,8% em janeiro, informa BC

quinta-feira, 27 de fevereiro de 2014 11:16 BRT
 

BRASÍLIA, 27 Fev (Reuters) - Inadimplência, spread e taxa de juros no segmento de recursos livres aumentaram em janeiro em relação a dezembro em meio ao ciclo de aperto monetário no Brasil e num cenário marcado pelo baixo crescimento do estoque total de crédito no primeiro mês do ano.

De acordo com dados apresentados pelo Banco Central nesta quinta-feira, a inadimplência no mercado de crédito brasileiro no segmento de recursos livres ficou em 4,8 por cento em janeiro, maior em relação a dezembro, quando havia ficado em 4,7 por cento.

Considerando os recursos totais no mercado de crédito, incluindo também os recursos direcionados, a inadimplência ficou em 3 por cento em janeiro, estável frente a dezembro.

No período, o spread bancário no segmento de recursos livres ficou em 18,9 pontos percentuais, acima dos 17,5 pontos percentuais vistos em dezembro.

No crédito total, o spread ficou em 11,8 pontos percentuais, acima dos 11,1 pontos percentuais verificados em dezembro.

Ainda nos dados apresentados nesta quinta-feira, a taxa média de juros no segmento de recursos livres fechou janeiro em 30,7 por cento, superior aos 29 por cento em dezembro.

No crédito total, os juros ficaram em 20,7 por cento no mês passado, maior que os 19,7 por cento apurados no mês anterior.

O BC informou ainda que o estoque total de crédito no Brasil subiu 0,1 por cento em janeiro ante dezembro, chegando a 2,717 trilhões de reais, ou 56,1 por cento do Produto Interno Bruto (PIB).

Em janeiro, as concessões de crédito no segmento de recursos livres apresentaram recuo de 14,6 por cento na comparação mensal.   Continuação...