Gafisa prevê margens maiores em 2014 e ganho de fatia de mercado

quinta-feira, 27 de fevereiro de 2014 14:24 BRT
 

Por Marcela Ayres

SÃO PAULO, 27 Fev (Reuters) - Encerrada a fase de arrumação da casa na Gafisa, o presidente da incorporadora prevê que a empresa elevará as margens em 2014 e recuperar a participação de mercado perdida nos últimos anos, quando diminuiu o ritmo após ser atingida por cancelamentos de contratos e redimensionamento de custos.

"O processo de término de todos os projetos antigos que tinham margens baixas está praticamente acabado", afirmou Duilio Calciolari, em entrevista à Reuters nesta quinta-feira. "Os projetos novos começam a ter presença mais relevante, o que faz com que a nossa expectativa de melhoria operacional seja bastante positiva."

Após a margem bruta ajustada subir 6,8 pontos percentuais em 2013, a 31,2 por cento, a expectativa é que haja espaço para um avanço adicional de cerca de 2 pontos neste ano, disse Calciolari.

Ele completou que a companhia vê um mercado estável em 2014, mas espera crescer retomando a participação perdida nos últimos dois anos, quando se ocupou de sua reorganização operacional.

"A estrutura de capital da companhia está arrumadinha", afirmou Calciolari, em referência à redução do endividamento da Gafisa após a entrada em caixa, no último trimestre, de 1,5 bilhão de reais provenientes da venda do controle de Alphaville, loteadora urbana de alto padrão, para os fundos Pátria e Blackstone.

Segundo a Gafisa, os recursos da transação serão utilizados para amortizar cerca de 700 milhões de reais em dívida corporativa com vencimento até dezembro.

Menos pressionada pelos compromissos financeiros, a companhia espera colher os frutos do direcionamento do foco da Gafisa, divisão de média-alta renda, para projetos em São Paulo e Rio de Janeiro. No âmbito da sua reestruturação, a companhia também adotou um novo modelo de gestão na Tenda, sua unidade de baixa renda.

"A Tenda hoje tem alguns fundamentos que, se respeitados - e estamos respeitando em todos os lançamentos que fizemos nos últimos meses - permitem um retorno bastante interessante", observou Calciolari.   Continuação...

 
Funcionários trabalham em um canteiro de obras de um prédio residencial em São Paulo. Encerrada a fase de arrumação da casa na Gafisa, o presidente da incorporadora prevê que a empresa elevará as margens em 2014 e recuperar a participação de mercado perdida nos últimos anos, quando diminuiu o ritmo após ser atingida por cancelamentos de contratos e redimensionamento de custos. 06/05/2013 REUTERS/Nacho Doce