China pode aprovar milho transgênico da Syngenta até meados do ano

quarta-feira, 5 de março de 2014 09:04 BRT
 

PEQUIM, 5 Mar (Reuters) - O processo de aprovação da variedade de milho transgênico MIR162, da Syngenta na China está em andamento, depois da empresa apresentar novos documentos às autoridades em novembro, e deve ser encerrado rapidamente, disso o vice-ministro de agricultura chinês Niu Dun.

Oficialmente, a China já rejeitou 887 mil toneladas de milho dos Estados Unidos desde novembro do ano passado, depois de detectar a presença de grãos da variedade MIR162, não aprovados no país.

"O processo de aprovação deve ser encerrado muito rapidamente", disse à Reuters o ministro, no intervalo da abertura do parlamento chinês nesta quarta-feira.

Questionado se a variedade de milho pode ser aprovadas ainda no primeiro semestre de 2014, ele disse que "é possível". O ministro acrescentou que o cronograma exato vai depender do comitê de biossegurança do Ministério da Agricultura.

A Syngenta aguarda a aprovação do milho MIR162 desde que submeteu o pedido oficial em março de 2010.

A China enfrenta atualmente um excedente de milho no mercado doméstico, com uma nova epidemia de gripe aviária e com uma queda nos preços da carne suína pesando sobre a demanda, o que levou fontes da indústria a sugerir que Pequim não teria nenhuma pressa em facilitar a entrada de importações adicionais.

(Por Niu Shuping)