Banco de bitcoins Flexcoin encerra atividades após ataque hacker

quarta-feira, 5 de março de 2014 10:26 BRT
 

5 Mar (Reuters) - O Flexcoin, um banco de bitcoins baseado no Canadá, disse que está encerrando as atividades após perder um total de bitcoins equivalentes a cerca de 600 mil dólares a um ataque de hackers, que foi possibilitado por falhas no código de seu software.

O Flexcoin disse em uma mensagem em seu website que todas as 896 bitcoins guardadas on-line foram roubadas no domingo. O seu colapso veio depois que o Mt. Gox, outrora a bolsa de valores de bitcoins dominante no mundo, entrou com pedido de concordata no Japão e disse que pode ter perdido cerca de 850 mil bitcoins devido a ataques eletrônicos.

"Como o Flexcoin não possui os recursos, ativos ou outro meio para se recuperar desta perda, estamos fechando nossas portas imediatamente", informou.

O Flexcoin posteriormente publicou uma atualização em seu site, dizendo que o ataque explorou uma falha em seu código que rege as transferências entre usuários, inundando o sistema com pedidos simultâneos para mover bitcoins entre contas.

"O Flexcoin tentou de tudo para manter nossos servidores os mais seguros possível, incluindo testes regulares", disse o banco, acrescentando que havia se defendido contra milhares de ataques nos últimos anos. "Mas, no final, simplesmente não foi suficiente".

Segundo a Bitstamp, uma das maiores bolsas de valores para o comércio de bitcoins, uma bitcoin tinha um valor de cerca de 658 dólares nesta quarta-feira.

(Por Ritsuko Ando e Mridhula Raghavan)

 
Uma placa de Bitcoin vista durante a inauguração da primeira loja de varejo de bitcoins de Hong Kong, em Hong Kong. O Flexcoin, um banco de bitcoins baseado no Canadá, disse que está encerrando as atividades após perder um total de bitcoins equivalentes a cerca de 600 mil dólares a um ataque de hackers, que foi possibilitado por falhas no código de seu software. 28/02/2014 REUTERS/Bobby Yip