Governo vê chance "baixa" de chuvas no ano serem inferiores às já verificadas

quarta-feira, 12 de março de 2014 18:12 BRT
 

BRASÍLIA, 12 Mar (Reuters) - Em uma sutil mudança em seu discurso de que o abastecimento de energia elétrica está garantido no Brasil, o Comitê de Monitoramento do Setor Elétrico (CMSE) alterou de "baixíssima" para "baixa" a chance de chuvas neste ano inferiores às já verificadas.

Em nota à imprensa sobre sua reunião nesta quarta-feira, o CMSE disse que: "Portanto, a não ser que ocorra uma série de vazões pior do que as já registradas, evento de baixa probabilidade, não são visualizadas dificuldades no suprimento de energia elétrica no país em 2014".

Na reunião do mês passado, o comunicado do CMSE dizia que essa chance era "baixíssima". O resto do parágrafo era igual ao divulgado nesta quarta.

No texto divulgado nesta quarta, o CMSE informa que nos 10 primeiros dias de março as chuvas nos reservatórios das usinas do Sudeste e Centro-Oeste, os principais do país, equivaliam a 61 por cento da média histórica.

"Devido a esse conjunto de fatores, as bacias hidrográficas onde se situam os principais reservatórios estão atravessando uma situação climática, conjuntural, desfavorável, até este momento do atual período úmido. No entanto, o Sistema Interligado Nacional dispõe das condições de equilíbrio estrutural necessárias para o abastecimento do país", conclui a nota.

(Por Leonardo Goy)