Rússia vai replicar qualquer sanção, diz vice-ministro da Economia

quinta-feira, 13 de março de 2014 11:19 BRT
 

MOSCOU, 13 Mar (Reuters) - A Rússia vai impor sanções simétricas se os Estados Unidos e a União Europeia aplicarem medidas contra o país, disse o vice-ministro da Economia russo, Alexei Likhachev, nesta quinta-feira.

"Estamos prontos para qualquer eventualidade", disse Likhachev a jornalistas. "Nós vamos espelhar (qualquer ação)."

Ele também disse que o ministério espera que eventuais sanções sejam políticas e não econômicas.

Os Estados membros da União Europeia chegaram a um acordo sobre os termos a serem usados nas sanções à Rússia, as quais incluem restrições a viagens e congelamentos de bens dos responsáveis por violarem a soberania da Ucrânia, segundo um documento preliminar de sete páginas visto pela Reuters.

O texto descreve em detalhes as medidas punitivas a serem adotadas contra Moscou caso a Rússia não recolha suas forças na península ucraniana da Crimeia e não inicie um diálogo com mediadores internacionais para tentar resolver a crise na Ucrânia.

(Reportagem de Daria Korsunskaya)

 
O presidente russo Vladimir Putin fala durante um encontro com delegações paralímpicas em Sochi. A Rússia vai impor sanções simétricas se os Estados Unidos e a União Europeia aplicarem medidas contra o país, disse o vice-ministro da Economia russo, Alexei Likhachev, nesta quinta-feira. 13/03/2014 REUTERS/Mikhail Klimentyev/RIA Novosti/Kremlin