US Steel avalia instalação de novo forno a arco elétrico nos EUA

terça-feira, 25 de março de 2014 16:43 BRT
 

WASHINGTON, 25 Mar (Reuters) - A United States Steel Corp poderá substituir outro de seus alto-fornos mais antigos por um forno a arco elétrico, afirmou o presidente-executivo da siderúrgica, Mario Longhi, à Reuters nesta terça-feira.

A US Steel informou em janeiro que estava fazendo pedidos de licença para construir um forno a arco elétrico para substituir um alto-forno da usina em Fairfield em parte por causa de estratégia de corte de custos.

"Estamos seguindo em frente com o primeiro", disse Longhi. "E há muita análise ocorrendo, dado o fato de que temos muitos alto-fornos para vermos qual será o próximo que poderá ser substituído por outro forno a arco elétrico."

A Nucor, rival lucrativa da US Steel, se especializou há anos na produção de aço por meio de fornos a arco elétrico, normalmente chamados de mini-mills. A US Steel e a Nucor são as maiores siderúrgicas dos EUA.

Fornos a arco elétrico podem usar sucata, em vez de minério de ferro, para a produção de aço. Eles podem reduzir custos associados com o transporte de matérias-primas e isolar siderúrgicas de aumentos nos preços de minério de ferro e carvão.

Longhi não quis identificar qual alto-fornos da empresa poderão ser substituídos, mas afirmou que há várias opções: "Um fator é qual a idade da instalação e quando chegará o momento para uma grande manutenção", disse ele. A recomposição do revestimento de um alto-forno pode custar 100 milhões de dólares ou mais.

(Por Krista Hughes)