Rússia embarga compra de carne bovina de unidade da JBS na Austrália

quarta-feira, 26 de março de 2014 13:08 BRT
 

Por Polina Devitt

MOSCOU, 26 Mar (Reuters) - A Rússia impôs embargo temporário às importações de carne bovina de uma unidade australiana da JBS, maior processadora do mundo de carnes, após ter encontrado esteroide proibido no mercado russo, informou o serviço de vigilância fitossanitário do país.

A Rússia está considerando limites temporários a todas as importações da Austrália, o terceiro maior exportador global depois dos Estados Unidos e Brasil, devido à presença do esteroide Trembolona.

"Uma decisão deve ser feita em breve", disse o porta-voz para o Serviço Federal de Vigilância Fitossanitária, Alexei Alekseenko, nesta quarta-feira.

A ação da JBS, que fechou em baixa de quase 5 por cento na véspera, operava em alta de 0,5 por cento às 13h02, enquanto o Ibovespa subia 0,6 por cento no mesmo horário.

A JBS minimizou a medida russa para os negócios da empresa.

"O embargo russo à unidade australiana da JBS tem poucos efeitos sobre os negócios da companhia. Os clientes daquele país continuarão a ser atendidos a partir da plataforma de produção JBS instalada na América do Norte e América do Sul, sem qualquer tipo de prejuízo", disse a empresa por meio de sua assessoria de imprensa.

Além disso, as demais subsidiárias da JBS na Austrália ainda podem exportar carne bovina para a Rússia.

Segundo informação no site da companhia, a JBS conta com oito unidades de processamento de bovinos na Austrália.   Continuação...