Fed rejeita plano do Citi e de outros 4 bancos para remuneração de acionistas

quarta-feira, 26 de março de 2014 20:15 BRT
 

WASHINGTON, 26 Mar (Reuters) - O Federal Reserve, banco central dos Estados Unidos, afirmou que a habilidade de o Citigroup lidar com cenários de estresse ainda não é suficiente e rejeitou planos do banco de remuneração aos acionistas, um forte baque ao banco que ainda tenta se reeger após a crise financeira.

A decisão marca a segunda vez em três anos que o banco não conseguiu receber aprovação do Fed para devolver dinheiro aos acionistas, conhecido como "plano de capital".

A habilidade de o banco remunerar os acionistas através de recompra de ações é fundamental para alcançar metas de lucratividade.

As ações do Citi, o terceiro maior banco dos EUA, caíram 4,5 por cento, para 47,90 dólares nas negociações do after market.

O Citi foi um dos cinco bancos cujo plano de remuneração foi rejeitado pelo Fed. Os outros foram unidades norte-americanas das instituições europeias HSBC, RBS e Santander. O quinto banco foi o Zions Bancorp, porque não cumpriu a relação mínima de capital pós-estresse.

O Fed informou que aprovou os planos enviados pelas 25 instituições financeiras restantes.

O presidente-executivo do Citi, Michael Corbat, disse que o banco está "profundamente decepcionado" com a decisão do Fed e que o pedido de remuneração aos acionistas era modesto.

No ano passado, o Fed permitiu que o Citi recomprasse 1,2 bilhão de dólares em ações e disse que iria continuar a pagar 120 milhões por ano em dividendos, uma taxa trimestral de 1 centavo por ação.

Neste ano, o Citi queria gastar mais do que cinco vezes em recompra e elevar o dividendo trimestral para 5 centavos de dólar por ação.   Continuação...