Bovespa interrompe série de 7 altas e fecha em queda seguindo Wall St

quarta-feira, 26 de março de 2014 17:54 BRT
 

Por Priscila Jordão

SÃO PAULO, 26 Mar (Reuters) - A Bovespa fechou em queda nesta quarta-feira, interrompendo sequência de sete altas consecutivas e acompanhando a trajetória negativa dos mercados norte-americanos, depois de atingir um nível de resistência técnica.

O Ibovespa caiu 0,45 por cento, a 47.965 pontos. O giro financeiro do pregão somou 6,4 bilhões de reais.

O índice brasileiro chegou a subir 1 por cento pela manhã seguindo os mercados externos, mas preocupações geopolíticas derrubaram as bolsas norte-americanas, em movimento seguido pela Bovespa.

Os Estados Unidos e a União Europeia concordaram em trabalhar juntos por sanções mais duras contra a Rússia devido às tensões envolvendo a Ucrânia, incluindo o setor energético, para tornar a Europa menos dependente do gás russo.

O presidente dos EUA, Barack Obama, disse após encontro com autoridades da UE que o presidente russo, Vladimir Putin, está enganado se pensou que poderia dividir o Ocidente ou contar com sua indiferença em relação à anexação da Crimeia.

Com a virada de Wall Street por conta do discurso de Obama, o Ibovespa não teve forças para se sustentar em alta, depois de avançar 7,15 por cento nas últimas sete sessões.

"Houve uma alta bem razoável nos últimos pregões, o que é complicado manter; (a virada) coincidiu também com uma resistência razoável na faixa de 48.700 pontos, o que pode ter levado a uma realização (de lucros)", disse o especialista em renda variável Rogério Oliveira, da Icap Brasil.

Ao lado das blue chips Vale e Petrobras, o papel preferencial da operadora Oi, com queda de 11,14 por cento, puxou a bolsa para baixo.   Continuação...