Siderúrgicas do Japão analisarão importações por receios de dumping

quinta-feira, 27 de março de 2014 08:57 BRT
 

TÓQUIO (Reuters) - A indústria japonesa de aço vai examinar um salto nas importações originadas nos vizinhos asiáticos procurando por sinais de dumping, com preocupações de que o aumento dos carregamentos vai parar uma recuperação nos preços domésticos de aço e diminuir lucros de empresas locais.

As importações de produtos siderúrgicos para o Japão tiveram um salto anual de 44 por cento em janeiro, para 487 mil toneladas, o nível mais alto em 16 anos, liderado por um grande aumento nas importações vindas da Coreia do Sul, de Taiwan e da China.

"As importações da Coreia do Sul aumentaram drasticamente enquanto o fornecimento da China também cresceu", disse Hiroshi Tomono, presidente do conselho da Federação de Ferro e Aço do Japão, em uma coletiva de imprensa.

Questionado se o Japão deve adotar medidas antidumping, Tomono, que também é presidente da segunda maior siderúrgica do mundo, a Nippon Steel & Sumitomo Metal, disse que a federação planeja seguir os números de comércio "de maneira mais atenta e frequente".

"Antes de falarmos sobre medidas antidumping, precisamos descobrir todos os fatos e falar sobre o que descobrirmos. Esse é o primeiro passo."