CMN institui linhas para renovação e ampliação de canaviais de R$3 bi

quinta-feira, 27 de março de 2014 19:49 BRT
 

SÃO PAULO, 27 Mar (Reuters) - O Conselho Monetário Nacional (CMN) aprovou a instituição de linhas de crédito que somam 3 bilhões de reais para renovação e implantação de novos canaviais com recursos do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES).

O Programa de Apoio à Renovação e Implantação de Novos Canaviais vai ser dividido em duas linhas: o chamado ProRenova-Rural, com 300 milhões de reais, para produtores rurais e cooperativas; e o ProRenova-Industrial, de 2,7 bilhões de reais, para empresas.

O objetivo do crédito é aumentar a produção de cana-de-açúcar no país por meio do financiamento à renovação e implantação de canaviais.

A taxa efetiva de juros será composta pela Taxa de Juros de Longo Prazo (TJLP) acrescida de 2,7 pontos percentuais ao ano, para os dois programas.

Os recursos são destinados para projetos de plantio de cana-de-açúcar implantados entre 1º de janeiro a 30 de dezembro de 2014.

(Por Fabíola Gomes)