Inflação na zona do euro preocupa, mas não há deflação, diz Constancio, do BCE

terça-feira, 1 de abril de 2014 12:52 BRT
 

ATENAS, 1 Abr (Reuters) - A baixa inflação na zona do euro é um ponto de preocupação e pode ser um empecilho para a recuperação econômica, afirmou nesta terça-feira o vice-presidente do Banco Central Europeu (BCE), Vitor Constancio, acrescentando não haver risco de deflação no bloco.

Constancio disse que a inflação anual, que desacelerou para 0,5 por cento em março, ante 0,7 por cento em fevereiro, deve se recuperar em abril.

"A taxa de crescimento da inflação é preocupante", disse ele em entrevista coletiva após reunião dos ministros das Finanças da zona euro, em Atenas.

"Ela parece indicar que a Europa e a zona do euro podem estar em um período prolongado de inflação baixa. Isso pode ser um peso para a recuperação", disse ele e ponderou: "Não vemos perspectiva de deflação".

Constancio, que espera a economia do bloco cresça no primeiro trimestre deste ano, disse que a inflação será elevada pela recuperação.