CEO do BTG Pactual não vê necessidade imediata de aquisições na América Latina

terça-feira, 1 de abril de 2014 13:43 BRT
 

LIMA/SÃO PAULO, 1 Abr (Reuters) - O Grupo BTG Pactual não vê necessidade imediata de buscar mais aquisições na América Latina, disse o presidente-executivo, André Esteves, nesta terça-feira, enquanto o maior banco independente de investimentos da região procura adicionar mais segmentos à sua unidade de commodities e trading.

Esteves disse a jornalistas em Lima, onde ele participa de um evento, que o BTG Pactual quer incluir café e cacau para sua plataforma agrícola, mas se recusou a dar um cronograma para o plano.

O banco, o qual ele e seus parceiros fundaram em 2009, ganhou escala na América Latina, o que significa que as aquisições só ocorreriam se uma "oportunidade muito boa aparecer."

Esteves acrescentou que o banco não tem intenção de crescer como banco de varejo.

"Somos um banco de investimento, e vamos continuar atuar como banco de investimento", acrescentou.

(Reportagem de Patricia Vélez)

 
O CEO do banco BTG Pactual, André Esteves, em uma sessão do Fórum Econômico Mundial em Davos. O Grupo BTG Pactual não vê necessidade imediata de buscar mais aquisições na América Latina, disse Esteves nesta terça-feira, enquanto o maior banco independente de investimentos da região procura adicionar mais segmentos à sua unidade de commodities e trading. 24/01/2014 REUTERS/Denis Balibouse