Chinesa State Grid abrirá negócios para investimentos privados, diz jornal

sexta-feira, 4 de abril de 2014 11:38 BRT
 

PEQUIM, 4 Abr (Reuters) - A chinesa State Grid , a operadora dominante de rede de transmissão de energia do país, abrirá partes de seus negócios ao setor privado, segundo a mídia estatal nesta sexta-feira.

Investidores privados reclamam há muito tempo de uma falta de acesso ao setor energético no país que mais consome energia no mundo, que é dominado por empresas estatais.

A estatal State Grid, que opera cerca de 80 por cento da rede de transmissão da China, abrirá até três áreas para investidores privados, incluindo a de transmissão em ultra-alta-voltagem em corrente contínua, estações de armazenamento de energia, e equipamentos para carregamento de veículos elétricos segundo o Economic Information Daily, citando fontes anônimas.

O negócio de ultra-alta-voltagem é lucrativo e tem um potencial enorme de desenvolvimento, mas envolve grandes volumes de investimento, disse o jornal, que é feito pela agência estatal de notícias Xinhua.

No entanto, os negócios de estações de armazenamento de energia e equipamentos para abastecimento de veículos elétricos ambos registraram prejuízos, segundo o jornal.

(Por Judy Hua e David Stanway)