Shell e CNPC fecham cooperação em exploração em águas profundas e gás de xisto

quarta-feira, 9 de abril de 2014 08:18 BRT
 

PEQUIM, 9 Abr (Reuters) - A Royal Dutch Shell e a China National Petroleum Corp (CNPC) assinaram um acordo para impulsionar a cooperação em setores como exploração em águas profundas, bem como em gás natural liquefeito (GNL) e em fontes não convencionais de gás, como o xisto, disse a CNPC nesta quarta-feira.

As duas empresas concordaram em unir forças no desenvolvimento de negócios de energia que abrangem tanto atividades de exploração e produção, como de fornecimento, comercialização e refino, afirmou a CNPC em seu site.

Ben van Beurden, em sua primeira visita ao exterior desde que se tornou presidente-executivo da Shell, disse ao presidente do Conselho da CNPC, Zhou Jiping, que ambas as partes criaram profundas e amplas relações, com enorme espaço para uma maior cooperação.

A empresa anglo-holandesa já é uma das maiores investidoras estrangeiras no setor de energia da China, podendo estar bem posicionada para tirar proveito dos planos de Pequim para conceder às empresas estrangeiras mais acesso ao mercado.

A companhia detém parceria com a CNPC, maior grupo de energia do país e controladora da PetroChina, para explorar e desenvolver gás de xisto nas regiões ocidentais da China.

(Por Judy Hua e David Stanway)