Banco italiano Monte dei Paschi considera aumentar venda de ações

terça-feira, 15 de abril de 2014 08:44 BRT
 

MILÃO/ROMA, 15 Abr (Reuters) - O italiano Banca Monte dei Paschi di Siena está considerando aumentar o tamanho de sua planejada venda de ações para ajudá-lo a passar por um exame de saúde de bancos e pagar um socorro do Estado este ano.

Na noite de segunda-feira, a agência de notícias italiana ANSA disse que o terceiro maior banco da Itália estava buscando levantar até 5 bilhões de euros (6,9 bilhões de dólares), acima dos 3 bilhões planejados.

Nesta terça-feira, o Monte dei Paschi disse que estava avaliando o quanto de capital precisava, à luz da análise de ativos do Banco Central Europeu e também após discussões com o supervisor bancário da Itália, o Banco da Itália. O Monte dei Paschi não quis confirmar se estava buscando levantar 5 bilhões de euros.

"O banco está avaliando as implicações em relação à quantidade de recursos necessários para pagar a ajuda do Estado como se comprometeu com a Comissão Europeia", disse.

O Monte dei Paschi foi forçado a tomar 4,1 bilhões de euros em auxílios do Estado no ano passado depois de sofrer pesadas perdas na crise da zona do euro e ser atingindo por um escândalo de derivativos.

O banco deve lançar seu aumento de capital no final de maio. Mas um aumento no tamanho da emissão de ações empurraria a operação para junho, ou mais tarde.

(Por Lisa Jucca e Stefano Bernabei)