Conselho de Trabalhadores da Alstom vai ponderar novo plano de corte de custos

terça-feira, 15 de abril de 2014 08:59 BRT
 

PARIS, 15 Abr (Reuters) - Um outro plano de corte de custos envolvendo a divisão de transporte da Alstom em sua sede na região de Paris e em Barcelona, na Espanha, será colocado ante o Conselho de Trabalhadores do grupo francês de engenharia nesta terça-feira, disse uma porta-voz da companhia.

O projeto vem na sequência de 1.300 cortes de vagas que já estão sendo planejados, disse a porta-voz, confirmando uma matéria no jornal Les Echos, que disse que o novo programa envolve o corte de outros 400 postos.

A companhia disse em novembro do ano passado que haveria mais cortes de empregos. A Alstom emprega mais de 94 mil pessoas no mundo, segundo dados da Reuters.

A companhia está preparando a venda de seu negócio de transporte para a partir de junho, possivelmente através de uma venda de ações caso uma compradora para fabricante dos icônicos trens franceses de alta velocidade não possa ser encontrada antes.

A companhia está vendendo ativos em uma tentativa de reforçar um balanço impactado por fracos pedidos por equipamentos de energia. A Alstom foi forçada a reduzir suas metas de lucratividade e fluxo de caixa mais cedo neste ano.

(Por Cyril Altmeyer)