Lufthansa manterá programa de reestruturação Score após 2015

terça-feira, 15 de abril de 2014 11:50 BRT
 

FRANKFURT, 15 Abr (Reuters) - A alemã Lufthansa vai continuar com suas medidas para cortar custos e impulsionar a receita mesmo depois do programa atual de reestruturação, chamado de Score e com previsão de ser executado apenas até 2015, terminar, disse o presidente-executivo Cristoph Franz, que está de saída da companhia.

"Estamos olhando para o que será feito após 2015", disse Franz para jornalistas, apenas algumas semanas antes de passar as rédeas da maior companhia aérea da Alemanha para Carsten Spohr.

A Lufthansa identificou 4 mil diferentes projetos sob o atual programa Score, que visa aumentar o lucro operacional em 1,5 bilhão de euros (2,1 bilhões de dólares) em 2015 em comparação a 2011.

As medidas vão de grandes mudanças estruturais, como a expansão de sua companhia aérea de baixo custo Germanwings, a medidas menores sugeridas por funcionários, como deixar que consumidores façam ofertas por assentos executivos na unidade Austrian Airlines, como em um leilão.

"Não acho que extraímos todo o suco da fruta, ainda", disse Franz.

Em vez de ser dissolvida em 2015 como originalmente planejado, a equipe do projeto Score será mantida.

Segundo consultores, as companhias aéreas fariam bem em manter esforços constantes para melhorar os resultados, em vez de apenas iniciar programas de reestruturação que são executados por tempo limitado e podem afetar a motivação dos funcionários.

(Por Victoria Bryan e Peter Maushagen)