Despesas com litígio levam Bank of America ao prejuízo

quarta-feira, 16 de abril de 2014 10:21 BRT
 

16 Abr (Reuters) - O Bank of America divulgou um prejuízo no primeiro trimestre, ao alocar 6 bilhões de dólares extras para cobrir despesas com litígios, um número que superou em muito os acordos legais anunciados recentemente pelo segundo maior banco dos Estados Unidos.

O banco registrou um prejuízo líquido atribuível aos acionistas de 514 milhões de dólares, ou 0,05 dólar por ação, nos três meses encerrados em março, comparado com um lucro de 1,11 bilhão de dólares, ou 0,10 dólar por papel, um ano antes.

No trimestre anterior, os resultados foram atingidos por encargos de 1,6 bilhão de dólares relacionados a disputas com detentores de bônus.

Analistas esperavam em média lucro de 0,05 dólar por ação, segundo a Thomson Reuters I/B/E/S.

A receita caiu 3,8 por cento para 22,66 bilhões de dólares, excluindo ajustes contábeis, mas superou a estimativa média de 22,33 bilhões de dólares entre analistas.

O prejuízo vem na sequência do melhor ano do Bank of America desde antes da crise financeira.

O lucro líquido de 11,4 bilhões de dólares do banco em 2013 foi o maior desde 2007, mas grandes cobranças jurídicas e acordos remanescentes da crise financeira ainda pesam sobre o desempenho.

A despesas com litígios cresceram para 6 bilhões de dólares ante 2,2 bilhões de dólares no primeiro trimestre de 2013.

(Por Peter Rudegeair em Nova York e Tanya Agrawal em Bangalore)