CDE cobrirá R$4,7 bi em exposição das distribuidoras de energia em fevereiro

terça-feira, 22 de abril de 2014 17:54 BRT
 

BRASÍLIA (Reuters) - A Conta de Desenvolvimento Energético (CDE) cobrirá cerca de 4,7 bilhões de reais em gastos das distribuidoras no mercado de curto prazo em fevereiro, informou diretor-geral da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), nesta terça-feira.

O diretor-geral da Aneel, Romeu Rufino, disse que a Superintendência de Regulação Econômica da agência deverá divulgar na quarta-feira um despacho com os valores de aporte da CDE para as distribuidoras, referentes às operações de fevereiro. O valor previsto para fevereiro é significativamente maior que o 1,2 bilhão de reais de cobertura em janeiro.

A liquidação dessas operações está marcada para ocorrer nos próximos dias 28 e 29.

Rufino disse a jornalistas, após reunião da Aneel, que a necessidade de cobertura de gastos de fevereiro é o maior valor já registrado até agora, mas que a tendência é que esse número diminua após o leilão de energia A-0, marcado para 30 de abril, e à medida que outros empreendimentos novos de geração de energia iniciam a operação.

O leilão de energia existente A-0 é destinado a reduzir a necessidade das distribuidoras de compra de energia mais cara no mercado de curto prazo, por meio da contratação de eletricidade em contratos de médio prazo a preços menores. A necessidade de contratação de energia dessas concessionárias no leilão ultrapassa os 3,3 gigawatts (GW) médios.