Setor de serviço dos EUA cresce a ritmo mais lento em abril, mostra PMI

sexta-feira, 25 de abril de 2014 11:03 BRT
 

NOVA YORK, 25 Abr (Reuters) - O setor de serviços dos Estados Unidos se expandiu em abril a um ritmo mais lento do que no mês anterior uma vez que a criação de emprego desacelerou, mostrou a pesquisa Índice de Gerentes de Compras (PMI, na sigla em inglês) preliminar nesta sexta-feira.

A empresa de dados financeiros Markit informou que o PMI preliminar do setor de serviços atingiu 54,2 em abril ante número final de 55,3 em março. Leitura acima de 50 sinaliza expansão da atividade econômica.

O setor de serviços acrescentou funcionários ao ritmo mais lento em quase dois anos, com o subíndice de emprego em 51,0, menor nível desde junho de 2012, caindo de 51,8 no mês passado.

O PMI Composto preliminar do Markit, uma média ponderada de seus índices de serviços e indústria, atingiu 54,9 em abril ante 55,7 em março.

"Estes dados desafiam a visão de muitos, incluindo algumas autoridades importantes, de que a recente piora em alguns dos dados econômicos foi puramente um sintoma do clima adverso no começo do ano", disse Chris Wlliamson, economista-chefe do Markit.

(Por Rodrigo Campos)