JSL espera ter aumento de pelo menos 10% na geração de caixa em 2014

sexta-feira, 25 de abril de 2014 11:33 BRT
 

SÃO PAULO, 25 Abr (Reuters) - A JSL estimou nesta sexta-feira que sua geração de caixa crescerá ao menos 10 por cento em 2014, com a receita bruta de serviços em alta mínima de 12 por cento.

A empresa de logística espera ter uma geração de caixa medida pelo lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda) de 780 milhões a 810 milhões de reais em 2014, alta de entre 10,6 e 15 por cento sobre o ano passado.

O crescimento do Ebitda esperado para este ano é menor que o visto em 2013 ante 2012, de 18,5 por cento, mas a desaceleração não preocupa a empresa, embora as expectativas para a economia brasileira sejam de uma expansão mais modesta.

"A gente entende que não tem nada de diferente. A empresa continua se desenvolvendo. Os pilares do que motiva esse crescimento continuam presentes na economia", afirmou o diretor financeiro e de Relações com Investidores da JSL, Denys Ferrez.

Sobre as expectativas para a economia brasileira, Ferrez afirmou ver um ano mais morno. "De forma geral, vejo a coisa meio morna, mas não que afete a JSL de forma relevante."

A JSL estimou também uma receita bruta de serviços de 4,1 bilhões a 4,25 bilhões de reais em 2014, um crescimento mínimo de cerca de 12 por cento sobre 2013.

A empresa espera investir 1 bilhão de reais líquidos em 2013. Segundo Ferrez, a área de serviços dedicados deve receber a maior parte dos investimentos.

A JSL teve queda de 59,6 por cento em seu lucro líquido no primeiro trimestre na comparação com um ano antes, devido ao aumento de custos com contratos ainda pré-operacionais.

As ações da JSL recuavam 5,64 por cento às 11h30, a 12,54 reais, na mínima da sessão. Os papéis não integram o Ibovespa, que cedia 1,2 por cento.

(Por Roberta Vilas Boas)