Lucro do Deutsche Bank despenca no 1º trimestre

terça-feira, 29 de abril de 2014 07:55 BRT
 

FRANKFURT, 29 Abr (Reuters) - O lucro antes de impostos do Deutsche Bank caiu 30 por cento no primeiro trimestre, para 1,68 bilhão de euros (2,33 bilhões de dólares), disse o banco nesta terça-feira, pressionado por um recuo visto em toda a indústria na receita com negociação de títulos.

O lucro antes de impostos da divisão de banco de investimentos caiu mais de um quinto, impactado pelo recuo de 10 por cento na receita com negociação de ativos, disse o banco em um comunicado. A divisão inclui a principal unidade de negociação do Deutsche Bank: de renda fixa, moedas e commodities, também conhecida como FICC.

O maior banco da Alemanha disse que espera sofrer um golpe de 1,5 bilhão a 2 bilhões de euros devido a novas regulações da União Europeia que devem entrar em vigor neste ano e que impõem regras de avaliação mais prudentes sobre ativos.

Ainda assim, o banco manteve suas metas de lucratividade para 2015, que preveem um retorno sobre patrimônio (ROE) após impostos superior a 12 por cento para o grupo. O banco registrou um ROE de 7,9 por cento no trimestre.

Esperava-se que o Deutsche Bank registrasse um lucro trimestral antes de impostos de 1,4 bilhão de euros (1,9 bilhão de dólares), cerca de 1 bilhão a menos do que um ano antes, segundo pesquisa da Reuters.

O lucro líquido totalizou 1,1 bilhão de euros, queda de 34 por cento, também melhor que o esperado por analistas.

(Por Thomas Atkins e Arno Schuetze)