Minério de ferro recua pelo 3º dia no mercado chinês

terça-feira, 29 de abril de 2014 12:28 BRT
 

XANGAI, 29 Abr (Reuters) - Os preços do minério de ferro no mercado à vista chinês ampliaram queda nesta terça-feira, no terceiro dia consecutivo de perdas, depois que o regulador bancário do país defendeu uma investigação nos acordos de financiamento do setor.

O regulador bancário da China pediu às autoridades locais e a bancos para acelerarem uma investigação sobre acordos de financiamento a compras de minério de ferro, em uma tentativa de reduzir riscos calotes.

As importações de minério de ferro pela China têm se mantido firmes, mas um aumento na oferta das grande mineradoras globais e preocupações com a perspectiva econômica do país pressionam os preços.

O minério com 62 por cento de teor de ferro foi negociado a 108,30 dólares por tonelada nesta terça-feira, recuo de 0,3 por cento ante a cotação de segunda-feira, atingindo o menor patamar desde 12 de março, segundo dados compilados pelo Steel Index.

Já o contrato de referência do minério na bolsa de Dalian teve uma leve recuperação de 0,4 por cento nesta terça, após despencar 4,5 por cento na segunda-feira, na maior queda diária desde que o contrato foi lançado em outubro de 2013.

"O aperto de crédito não é algo realmente novo no setor, especialmente desde este ano, mas o sentimento do mercado está muito frágil, e qualquer notícia negativa pode causar pânico e uma onda de vendas, embora o mercado tenha exagerado na reação anteriormente", disse um corretor de contratos futuros de Xangai.

(Por Ruby Lian e David Stanway)