30 de Abril de 2014 / às 00:32 / em 3 anos

Lucro do Pão de Açúcar cresce 23%, a R$338 mi

RIO DE JANEIRO, 29 Abr (Reuters) - O lucro líquido do Grupo Pão de Açúcar cresceu cerca de 23 por cento no primeiro trimestre na comparação anual, impulsionado pela expansão orgânica e melhora das despesas.

A maior varejista do Brasil, controlada pelo grupo francês Casino, teve lucro de 338 milhões de reais entre janeiro e março, ante 275 milhões de reais um ano antes.

Considerando o segmento de móveis e eletrodomésticos e a divisão de comércio eletrônico, que inclui Via Varejo e a Nova Pontocom, o lucro líquido foi de 167 milhões, alta de 67,8 por cento.

Na véspera, a Via Varejo divulgou lucro líquido de 179 milhões de reais.

No segmento alimentar, o lucro caiu 2,3 por cento, para 172 milhões de reais, conforme o esperado por analistas. A queda, segundo o grupo, se deu pelo efeito calendário, com a comemoração da Páscoa no segundo trimestre em 2014, e em março no ano passado.

A companhia anunciou em meados de abril aumento de dois dígitos nas vendas líquidas, que atingiram 14,97 bilhões de reais no período. O avanço foi baseado na inauguração de 124 lojas nos últimos 12 meses, sendo 21 no primeiro trimestre.

Mas as vendas mesmas lojas (abertas há mais de 12 meses) mostraram desaceleração, com crescimento de 6,3 por cento no trimestre encerrado em março, ante alta de 10,8 por cento um ano antes, afetadas pelo efeito calendário.

O Casino, que gera 60 por cento de suas vendas no Brasil, Tailândia, Vietnã e Colômbia, fez em fevereiro uma previsão para este ano de fortes vendas no exterior, mesmo com a desaceleração em mercados emergentes.

No primeiro trimestre, as despesas com vendas apresentaram crescimento de 5,2 por cento, enquanto as despesas gerais e administrativas caíram 14,2 por cento, disse o Pão de Açúcar.

A relação entre as despesas com vendas, gerais e administrativas e a receita líquida passou para 18 por cento ante 19,7 por cento no primeiro trimestre de 2013.

O resultado financeiro líquido ficou negativo em 339 milhões de reais, crescimento de 33,3 por cento em relação ao primeiro trimestre do ano passado, quando ficou negativo em 254 milhões.

O Ebitda (sigla em inglês para lucro antes dos juros, impostos, depreciação e amortização) foi de 1,05 bilhão de reais, alta de 21,7 por cento em relação ao mesmo período do ano anterior.

A margem Ebitda alcançou 7 por cento, alta de 0,6 ponto percentual, reflexo principalmente do ganho de margem em Via Varejo, disse o Pão de Açúcar.

Por Juliana Schincariol; Edição de Luciana Bruno

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below