Vendas da Pfizer ficam abaixo de estimativas; companhia persegue AstraZeneca

segunda-feira, 5 de maio de 2014 11:27 BRT
 

5 Mai (Reuters) - A Pfizer divulgou uma receita muito abaixo das expectativas de Wall Street com vendas de medicamentos genéricos em queda, ressaltando seu interesse em perseguir uma oferta de 106 bilhões de dólares pela rival AstraZeneca para promover novo crescimento de negócios.

A Pfizer disse nesta segunda-feira que esperava que sua oferta melhorada para a AstraZeneca, feita na sexta-feira, ajude a fabricante britânica de medicamentos "a se engajar com a Pfizer e a entrar em discussões relacionadas a uma possível combinação das duas companhias".

A AstraZeneca rejeitou rapidamente a proposta melhorada, dizendo que subestima "substancialmente" o valor da companhia.

A Pfizer disse que a receita total do primeiro trimestre caiu 9 por cento para 11,35 bilhões de dólares, 730 milhões de dólares abaixo das expectativas de Wall Street.

A maior fabricante norte-americana de medicamentos teve lucro de 2,33 bilhões de dólares, ou 0,36 dólar por ação, no trimestre. Isso se comparou a 2,75 bilhões de dólares, ou 0,38 dólar por papel, no ano anterior, quando a companhia registrou ganhos de uma transferência de direitos de produto.

Excluindo itens especiais, a Pfizer teve lucro de 0,57 dólar por ação. Analistas esperavam em média 0,55 dólar por papel, segundo a Thomson Reuters I/B/E/S.

A Pfizer ainda espera lucro ajustado de 2,20 dólares a 2,30 dólares por ação em 2014, mas disse que sua projeção líquida para o ano inteiro não é mais válida.

Caso a fusão aconteça, será a maior aquisição de uma companhia britânica por uma empresa estrangeira.

(Por Ransdell Pierson)