Credit Suisse negocia com EUA acordo de US$1,6 bi

segunda-feira, 5 de maio de 2014 20:37 BRT
 

WASHINGTON, 5 Mai (Reuters) - O Credit Suisse Group está em negociação com o Departamento de Justiça dos Estados Unidos para pagar até 1,6 bilhão de dólares para pôr fim a uma investigação sobre o papel do banco em evasão de divisas no país, disse uma pessoa próxima ao tema nesta segunda-feira.

A multa pode ser quase o dobro do montante pago pelo UBS AG, que fechou acordo similar em 2009 de 780 milhões de dólares e concordou em identificar seus clientes.

As negociações estão em andamento, e os detalhes ainda estão sendo finalizados. Um acordo pode sair nas próximas semanas, disseram as fontes.

Um porta-voz do Credit Suisse recusou-se a comentar.

O Credit Suisse já realizou uma provisão de 1,02 bilhão de dólares para pagar potenciais condenações para os Estados Unidos em relação ao tema.

O banco concordou em fevereiro em pagar 196 milhões de dólares para revolver um caso semelhante da Securities and Exchange Comission, que acusou o banco suíço de oferecer corretagem e consultoria para clientes norte-americanos sem ter registro na SEC.

(Por Mark Hosenball e Aruna Viswanatha)