Ministro diz que safra de soja do Brasil pode atingir recorde de até 90 mi t

terça-feira, 6 de maio de 2014 19:13 BRT
 

BRASÍLIA, 6 Mai (Reuters) - A safra de soja do Brasil em 2013/14 deverá ficar entre 89 milhões e 90 milhões de toneladas, estimou o ministro da Agricultura, Neri Geller, em projeção que supera o número de abril da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab).

A estimativa mais recente da Conab é de uma safra de soja de 86,08 milhões de toneladas. A estatal atualizará suas projeções de safra na quinta-feira.

"A soja, no ano passado, colhemos 84 milhões de toneladas e tem uma previsão, este ano, de 89 a 90 milhões de toneladas", disse a jornalistas durante entrevista para fazer um balanço do escoamento da safra deste ano.

O ministro disse ainda que a safra de milho em 13/14 deve ficar em 78 milhões de toneladas. Apesar do recuo em relação aos 81,5 milhões de toneladas totais na safra passada, a nova estimativa supera a previsão anterior, que previa uma queda ainda maior, para cerca de 76 milhões de toneladas, por conta da seca.

"Houve uma recuperação", disse o ministro, acrescentando que há possibilidade de o próximo relatório ter nova melhora no milho. Mas sem dar mais detalhes.

Sobre o escoamento da safra, o ministro dos Transportes, César Borges, que também participou da entrevista, disse que o frete nesta safra caiu cerca de 10 por cento devido à redução das filas, principalmente no Porto de Santos.

Segundo o governo, a redução nos congestionamentos nos arredores do Porto de Santos foi obtida, principalmente, com medidas de gestão como a política de agendamento da chegada dos caminhões aos terminais do porto.

Em abril, por exemplo, 95 por cento dos caminhões que chegaram ao maior porto do país estavam agendados.

Segundo o balanço divulgado nesta terça-feira, as medidas ajudaram a reduzir, em abril, de 9,25 horas para 5,5 horas o tempo médio de permanência de caminhões no pátio.   Continuação...