Francesa EDF deve ser sócia de Chesf e Eletronorte em Sinop, diz fonte

sexta-feira, 9 de maio de 2014 13:29 BRT
 

Por Leonardo Goy

BRASÍLIA, 9 Mai (Reuters) - A Chesf e a Eletronorte, subsidiárias do grupo Eletrobras, estão em conversas avançadas com a francesa EDF para que a empresa substitua a Alupar no consórcio da hidrelétrica de Sinop (MT), disse à Reuters uma fonte do setor a par do assunto.

Uma vez confirmado o negócio, a EDF deve assumir a fatia de 51 por cento no consórcio que pertencia à Alupar, segundo a fonte, que pediu para não ser identificada.

A concessão da usina de Sinop, de 400 megawatts (MW), foi leiloada em agosto do ano passado. Mas, logo após o leilão, a Alupar informou que deixaria o consórcio vencedor.

No início de 2014, a Eletronorte e a Chesf abriram uma chamada pública para escolher o novo sócio majoritário do projeto.

Procurada pela Reuters, a EDF no Brasil não comentou imediatamente o assunto.