França quer que Areva compre eólica da Alstom se GE ganhar oferta, diz jornal

sexta-feira, 9 de maio de 2014 15:11 BRT
 

PARIS, 9 Mai (Reuters) - A França quer que o grupo nuclear estatal Areva assuma a unidade de turbinas eólicas offshore da Alstom se a oferta da General Electric pela empresa francesa for bem sucedida, noticiou um jornal francês nesta sexta-feira.

A Areva e a Alstom produzem turbinas eólicas offshore e fazem parte de um consórcio diferente para construir 3.000 megawatts de energia eólica na costa francesa nos próximos anos.

A General Electric fez uma oferta de 16,9 bilhões de dólares pela divisão de energia da Alstom na semana passada. O presidente-executivo da empresa dos Estados Unidos disse em uma carta ao presidente da França, François Hollande, que estaria disposto a vender as atividades de turbinas eólicas para investidores franceses se a GE tiver sucesso na oferta.

"Faria sentido ter apenas um agente francês nessa indústria", disse uma forte do governo segundo o jornal Le Echos.

Ninguém estava disponível para comentários na Alstom e no Ministério da indústria. A Areva não quis comentar a notícia.

(Por Geert De Clercq)