Grã-Bretanha anuncia plano para ajudar bancos em meio à crise

segunda-feira, 21 de abril de 2008 10:16 BRT
 

Por Matt Falloon e Christina Fincher

LONDRES (Reuters) - O Banco da Inglaterra está oferecendo trocar títulos do governo avaliados em 50 bilhões de libras (100 bilhões de dólares) por títulos hipotecários dos bancos, de risco maior, a fim de tentar minorar os efeitos da crise de crédito sobre o sistema financeiro da Grã-Bretanha.

O presidente do Banco da Inglaterra, Mervyn King, disse que a dimensão final dessa operação dependeria das necessidades do mercado. "Não há um limita arbitrário a esse respeito", afirmou King a repórteres.

Não obstante a possibilidade de a medida oferecer grande parte da ajuda de que o sistema bancário necessita, economistas observaram que o esquema em si não bastaria para reavivar a economia, atualmente em retração.

"Isso terá um impacto positivo no mercado monetário, mas é improvável que tenha qualquer impacto significativo no destravamento dos mercados de hipoteca", afirmou Lena Komileva, economista de mercado da Tullet Prebon.

O plano do Banco da Inglaterra representa a manobra mais recente para enfrentar o impacto da crise de crédito sobre a economia. Desde dezembro, a instituição cortou a taxa de juros três vezes, para 5 por cento, e forneceu liquidez de emergência (geralmente de três meses) para os bancos.

O órgão dispôs-se a trocar os títulos do governo por uma série de papéis de alta qualidade dos bancos, entre os quais hipotecas, operação essa que liberaria as instituições financeiras para emprestar mais dinheiro aos clientes e entre si.

"Como os mercados para muitos papéis encontram-se fechados, os bancos possuem em seus balanços um 'excesso' desses papéis, os quais não conseguem vender ou oferecer como garantia para levantar fundos", afirmou o Banco da Inglaterra em comunicado que detalhava seu Plano Especial de Liquidez.

"O plano visa melhorar a liquidez do sistema bancário e aumentar a confiança em seus mercados financeiros."   Continuação...

 
<p>Seguran&ccedil;a guarda porta do Banco da Inglaterra, em 25 de mar&ccedil;o de 2008. O Banco da Inglaterra est&aacute; oferecendo trocar t&iacute;tulos do governo avaliados em 50 bilh&otilde;es de libras (100 bilh&otilde;es de d&oacute;lares) por t&iacute;tulos hipotec&aacute;rios dos bancos, de risco maior. Photo by Luke Macgregor</p>