September 27, 2008 / 3:28 PM / in 9 years

Astronauta chinês faz passeio histórico no espaço

3 Min, DE LEITURA

Por Ben Blanchard

PEQUIM, 27 de setembro (Reuters) - O astronauta Zhai Zhigang se tornou o primeiro chinês a "caminhar" no espaço no sábado, ao sair por alguns momentos da nave espacial Shenzhou VII em um feito tecnológico que Pequim espera que o mundo admire.

"Eu estou me sentindo perfeitamente bem. Eu saúdo o povo chinês e as pessoas do mundo", Zhai disse ao sair da nave, um evento transmitido ao vivo pela TV estatal.

Zhai, o filho de 41 anos de um vendedor de salgadinhos, escolhido para a primeira "atividade extra-veicular", desenrolou uma pequena bandeira chinesa, com a ajuda do colega Liu Boming, que também colocou a cabeça brevemente para fora da nave.

Zhai retornou com segurança para a nave após cerca de 15 minutos. A caminhada foi o ponto alto da terceira viagem espacial da China.

Ele usou uma roupa de 4,4 mihões de dólares feita na China com um peso de 120 quilos, enquanto Liu usou um traje feito na Rússia e atuou como apoio.

Amarrado à nave, Zhai caminhou vagarosamente até uma amostra para teste de lubrificante sólido do lado de fora da nave, recolheu uma amostra e a entregou a Liu, disse a agência estatal, afirmando ser um experimento sobre a durabilidade de materiais.

O presidente chinês Hu Jintao falou com os astronautas durante a viagem de volta e os parabenizou pelos esforços desejando um retorno "triunfante."

"Vocês fizeram um grande trabalho", disse Hu.

Zhai, aparentemente lendo um texto preparado, agradeceu Hu.

"A missão de passeio espacial foi concluída sem problemas. Por favor, fiquem tranqüilos, presidente Hu e povo da China", disse Zhai.

Um comentarista da agência de notícias estatal Xinhua elogiou a missão adicionando ser um evento positivo em um ano cheio de acontecimentos, em referência a incidentes como o terremoto de Sichuan, em maio.

"É uma outra fonte de orgulho e alegria para as pessoas após as Olimpíadas", afirmou.

Mas a Xinhua também disse que a China permanece ainda muito atrás de outros dois países com programas espaciais, a Rússia e os Estados Unidos. "Comparado a esses países, a China ainda está atrasada e está apenas dando os primeiros passos."

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below