EUA cumprimentam Cristina Kirchner por vitória eleitoral

segunda-feira, 29 de outubro de 2007 19:18 BRST
 

WASHINGTON (Reuters) - O governo dos Estados Unidos cumprimentou na segunda-feira Cristina Fernández de Kirchner por sua vitória na eleição presidencial argentina e disse estar disposto a trabalhar com ela nos temas bilaterais.

Cristina sucederá o marido, Néstor Kirchner, algo inédito na região. Ela é a primeira mulher eleita presidente do seu país.

"Felicitamos a presidente eleita Kirchner por sua vitória eleitoral. Também felicitamos o povo argentino por uma eleição livre e justa", disse o porta-voz do Departamento de Estado, Sean McCormack, a jornalistas.

"Estamos prontos para trabalhar com a presidente eleita Kirchner no futuro em temas bilaterais e também regionais", acrescentou.

Estados Unidos e Argentina mantiveram relações cordiais, mas distantes, nos últimos anos, especialmente depois da crise financeira de 2001-2002. Kirchner, eleito em 2003, é considerado um importante aliado do presidente antiamericano da Venezuela, Hugo Chávez.

Cristina obteve quase 45 por cento dos votos válidos no domingo, segundo dados oficiais, o que lhe dá a vitória sem necessidade de segundo turno.

(Reportagem de Arshad Mohammed)