Petróleo alto estimula demanda por eletrônicos de baix energia

quinta-feira, 7 de agosto de 2008 12:52 BRT
 

Por Rhee So-eui

SEUL (Reuters) - Hoje em dia, quando um cliente entra em uma loja de eletrônica, a primeira pergunta que faz é sobre o consumo de eletricidade do refrigerador, da máquina de lavar ou do laptop que planeja comprar.

"A economia de energia não era exatamente um assunto quente entre os consumidores no ano passado", disse Kim Dong-han, da cadeia sul-coreana de varejo de eletrônicos Hi-mart. "Mas neste ano, cerca de 90 por cento das pessoas perguntam primeiro se um produto ajudará a economizar nas contas."

Com o petróleo atingindo recordes perto dos 145 dólares por barril e os custos da eletricidade em alta, os consumidores começam a se preocupar em manter sob controle suas contas de luz. Os fabricantes de eletrônicos que desenvolvem linhas com boa eficiência energética e as comercializam de forma efetiva junto aos consumidores podem conquistar vantagens em meio ao desânimo da economia mundial, dizem as empresas.

"Práticas ecológicas não só beneficiam o meio ambiente como são cruciais para os negócios", disse Kim Jik-soo, porta-voz da LG Electronics . "Isso vai além dos simples produtos, e se estende ao processo de desenvolvimento e fabricação."

De máquinas de lavar que usam vapor em lugar de água quente a refrigeradores cujos compressores têm baixo consumo de energia, as empresas de eletrônicos vêm furiosamente desenvolvendo produtos que usam energia com mais eficiente e promovendo vigorosamente as linhas que já chegaram ao mercado e usam menos energia que as marcas dos concorrentes.

"Minha conta de luz mais que dobra no verão, com o uso do ar condicionado", disse Park Yu-jin, 32, uma dona de casa com dois filhos, em Seul.

"Também preciso lavar muitas roupas das crianças. A conta agora pode facilmente passar dos 170 mil won (162 dólares) ao mês", acrescentou.

As donas de casa como Park cada vez mais compram máquinas de lavar com portas frontais, que usam a gravidade para mover a água, em lugar de motores que agitam o tambor, como nas máquinas com tampa superior.