26 de Outubro de 2007 / às 23:07 / em 10 anos

Rice busca conselhos de Clinton e Carter sobre Oriente Médio

Por Sue Pleming

WASHINGTON (Reuters) - Preocupada em não repetir os erros de iniciativas de paz anteriores no Oriente Médio, a secretária norte-americana de Estado, Condoleezza Rice, procurou dicas dos ex-presidentes democratas Bill Clinton e Jimmy Carter para a conferência de paz que ela própria coordenará neste ano.

Rice convidou Carter, crítico contumaz do governo Bush, para ir na quarta-feira passada ao Departamento de Estado, onde eles conversaram sobre as iniciativas de paz da década de 1970, disse na sexta-feira o porta-voz da secretária, Sean McCormack, qualificando a discussão como “boa e cordial”.

Segundo McCormack, eles não se dedicaram às recentes críticas de Carter à atuação do governo Bush no Iraque e outras áreas.

Rice, formada como especialista em questões soviéticas, também telefonou para Clinton, que em oito anos de governo tentou sem êxito promover a paz entre árabes e judeus.

“Ela está tentando aproveitar os registros históricos e as experiências dos outros para ver o que ela pode juntar e como isso pode ser aplicável aos dias de hoje”, disse McCormack. “Ela é uma estudante de história e tem profundo apreço por como podemos aplicar as lições da história, o que podemos aprender dos que foram antes de nós”, acrescentou.

Ela também costuma ouvir conselhos do ex-negociador Dennis Ross e dos ex-secretários de Estado James Baker, Henry Kissinger e Madeleine Albright, com quem ela almoça frequentemente. O pai de Albright foi professor de Rice na Universidade de Denver.

Rice promete dedicar todas as suas energias nos 14 meses restantes do governo Bush a conseguir o que seus antecessores não puderam obter --um Estado palestino viável, vivendo em paz e segurança lado a lado com Israel.

A secretária já esteve sete vezes neste ano nos territórios palestinos e em Israel. Ela volta em dezembro, preparando terreno para a conferência a ser realizada no fim de novembro ou começo de dezembro em Annapolis (Costa Leste dos EUA).

Clinton realizou várias cúpulas de paz para o Oriente Médio na residência presidencial de Camp David, até no seu último mês de mandato, em janeiro de 2001. Mas nunca conseguiu obter um acordo entre israelenses e palestinos.

Carter realizou negociações secretas em Camp David que levaram a um acordo entre Egito e Israel em 1978.

Rice também vem buscando balizamento nos textos históricos. Durante as férias de agosto, ela consultou volumes da biblioteca do Departamento de Estado sobre o processo de paz, segundo uma fonte do Departamento.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below