Romney desiste e McCain é o virtual candidato republicano

quinta-feira, 7 de fevereiro de 2008 20:33 BRST
 

Por John Whitesides

WASHINGTON (Reuters) - O pré-candidato republicano Mitt Romney desistiu na quinta-feira da disputa presidencial norte-americana, o que torna praticamente certa a indicação de John McCain para enfrentar os democratas na eleição geral de novembro.

Ao comparecer a uma conferência de ativistas conservadores, Romney anunciou que está saindo do duro duelo que travou com McCain pela indicação republicana, para permitir que seu partido se concentre no duelo nacional contra o indicado democrata --que sairá da disputa entre os senadores Hillary Clinton e Barack Obama.

"Sinto que agora tenho de ficar de lado, pelo nosso partido e pelo nosso país", disse o ex-governador de Massachusetts em discurso na Conferência da Ação Política Conservadora.

"Não, não", reagiram alguns participantes da conferência, inconformados com a idéia de ter McCain como candidato do Partido Republicano, já que ele não é considerado suficientemente conservador por esse grupo.

Poucas horas depois do anúncio de Romney e falando no mesmo evento, McCain, que conseguiu uma grande liderança na briga pela indicação republicana, pregou a unidade da legenda.

"Sei que tenho responsabilidade se for, como espero ser, o indicado republicano à Presidência, de unificar o partido e preparar para a grande disputa de novembro", disse o senador pelo Arizona aos participantes do evento, reunidos em um hotel em Washington.

"E estou realmente ciente de que não posso ser bem-sucedido neste esforço, nem nosso partido poderá prevalecer no desafio que enfrentaremos seja da senadora Clinton seja do senador Obama, sem o empenho dos dedicados conservadores", disse ele.

Romney deixou a disputa depois de perder em 14 dos 21 Estados que realizaram prévias republicanas na terça-feira, principal dia das eleições primárias nos EUA, em que McCain saiu como vitorioso de costa a costa.   Continuação...

 
<p>O pr&eacute;-candidato republicano Mitt Romney acena para simpatizantes, em Washington, 7 de fevereiro. Romney desistiu na quinta-feira da disputa presidencial, o que torna praticamente certa a indica&ccedil;&atilde;o de John McCain para enfrentar os democratas na elei&ccedil;&atilde;o geral de novembro. Photo by Larry Downing</p>