EUA dizem ter matado 60 em ofensiva contra Al Qaeda no Iraque

segunda-feira, 14 de janeiro de 2008 12:14 BRST
 

BAGDÁ (Reuters) - Soldados dos Estados Unidos e do Iraque mataram 60 militantes, descobriram dezenas de depósitos de armas e prenderam 193 suspeitos durante a primeira semana de uma grande ofensiva lançada contra a Al Qaeda no norte do Iraque, afirmaram militares norte-americanos.

Ao menos nove soldados norte-americanos morreram desde o início da operação, em 8 de janeiro.

Segundo os militares, um dos depósitos de armas foi encontrado em um bunker subterrâneo com vários cômodos e localizado na instável Província de Diyala, ao norte de Bagdá.

A região, onde moram sunitas e xiitas, tem sido alvo frequente da Al Qaeda.

A ofensiva realizada em quatro Províncias do norte integra uma operação nacional lançada contra a rede militante, identificada pelas Forças Armadas dos EUA como a maior ameaça à estabilidade iraquiana neste momento.