Bush rompe silêncio sobre suposta aliança Síria-Coréia d Norte

terça-feira, 29 de abril de 2008 16:14 BRT
 

Por Matt Spetalnick

WASHINGTON (Reuters) - O presidente dos EUA, George W. Bush, disse na terça-feira ter mandado divulgar informações dos serviços de inteligência do país a respeito de uma suposta aliança nuclear entre a Coréia do Norte e a Síria com vistas a aumentar a pressão sobre os norte-coreanos e para enviar uma mensagem ao Irã.

Bush rompeu com meses de silêncio a respeito da questão após seu governo ter vindo a público, na semana passada, acusar a Síria de construir um reator nuclear secreto valendo-se da ajuda da Coréia do Norte. Essa instalação teria sido bombardeada por caças israelenses em setembro passado.

Segundo o presidente, a divulgação das informações, que incluem fotos e outros dados que a CIA diz comprovarem a capacidade do local de desenvolver armas nucleares, foi feita para "fazer avançar certos objetivos políticos."

"Um deles seria dirigido aos norte-coreanos, para deixar totalmente claro que talvez saibamos mais sobre vocês do que vocês pensam", disse Bush em uma entrevista coletiva.

A Síria negou estar construindo um reator nuclear e acusou o governo norte-americano de envolvimento no ataque realizado por Israel, um aliado fiel dos EUA e o único país do Oriente Médio a supostamente dispor de um arsenal nuclear.

A Agência Internacional de Energia Atômica (AIEA) criticou os EUA pelo fato de o país ter aguardado até este mês para divulgar suas informações.

Segundo analistas de fora da agência e um diplomata familiarizado com ela, as informações divulgadas pelos norte-americanos não comprovavam a existência de um programa de armas ilícito.

Por meio de um acordo selado com a Coréia do Norte em setembro de 2005, e do qual participaram outros cinco países, os norte-coreanos comprometeram-se com abandonar suas armas e programas nucleares em troca de ajuda econômica e benefícios diplomáticos.   Continuação...

 
<p>Bush rompe sil&ecirc;ncio sobre suposta alian&ccedil;a S&iacute;ria-Cor&eacute;ia do Norte. O presidente dos EUA, George W. Bush, disse ter mandado divulgar informa&ccedil;&otilde;es dos servi&ccedil;os de intelig&ecirc;ncia do pa&iacute;s a respeito de uma suposta alian&ccedil;a nuclear entre a Cor&eacute;ia do Norte e a S&iacute;ria. 29 de abril. Photo by Jason Reed</p>