Portugal Telecom diz estar em posição financeira "confortável"

terça-feira, 14 de outubro de 2008 13:01 BRT
 

LISBOA, 14 de outubro (Reuters) - A Portugal Telecom PTC.LS tem 2,3 bilhões de euros em financiamento disponível, incluindo linhas de crédito e commercial papers, o que a deixa em situação confortável para enfrentar a crise financeira, afirmou seu presidente-executivo, Zeinal Bava, nesta terça-feira.

O Goldman Sachs reduziu sua projeção de preços para as ações da Portugal Telecom de 6,80 para 5,30 euros na terça-feira, mencionando a possibilidade de que a empresa reduza seus dividendos ou procure outras formas de financiamento em função da crise financeira.

Bava, entretanto, afirmou que a situação financeira da empresa é "confortável".

"Temos 1,5 bilhão de euros em linhas de crédito standby e 800 milhões de euros em commercial papers, o que representa um total de 2,3 bilhões de euros, e com as reservas de caixa de que dispomos isso nos deixa em situação muito confortável", declarou Bava durante uma apresentação.

"Honraremos todos os nossos compromissos e continuaremos a investir em nossos negócios".

Ele acrescentou que a PT havia recentemente levantado 465 milhões de euros em uma colocação privada de títulos de dívida e que a empresa tinha necessidades de refinanciamento da ordem de um bilhão de euros em abril de 2009.

Em junho, a empresa tinha dívida líquida de 5,8 bilhões de euros, com prazo médio de vencimento de cinco anos e custo médio de 4,59 por cento.

(Reportagem de Elisabete Tavares)