Massa "aprende" a guiar em Mônaco e larga na pole-position

sábado, 24 de maio de 2008 12:20 BRT
 

Por Alan Baldwin

MÔNACO (Reuters) - O brasileiro Felipe Massa tirou a pole-position das mãos de seu companheiro de Ferrari, Kimi Raikkonen, para o Grande Prêmio de Mônaco de Fórmula 1, em sua última volta no treino oficial deste sábado.

Massa, que antes do treino de classificação disse que não gosta do circuito de rua sinuoso e apertado, se manteve longe das proteções laterais da pista para conquistar sua 12a pole na F1 e a terceira da temporada.

Ele marcou o tempo de 1min15s787, logo depois que o campeão mundial Kimi Raikkonen, vencedor em Mônaco com a McLaren em 2005, havia registrado 1min15s815.

O britânico Lewis Hamilton de 23 anos, da McLaren, foi o terceiro mais rápido, com a McLaren dominando a segunda fila, com seu companheiro, o finlandês Heikki Kovalainen, conquistando a quarta colocação.

"Ainda não acredito que estou na pole", disse Massa, que agora tem uma chance real de se tornar o primeiro brasileiro desde Ayrton Senna, em 1993, a vencer a corrida mais charmosa da temporada.

"Eu forcei muito durante esses dias para aprender como dirigir aqui, porque esse é um lugar onde eu tinha muitas dificuldades toda vez que vinha ."

Essa foi a primeira pole da Ferrari em Mônaco desde a conquistada por Michael Schumacher em 2000 e Massa agora tem a tarefa de se tornar o primeiro vencedor da equipe italiana desde a vitória do alemão em 2001. Sem falar que ele pode também colocar fim a um tabu de 29 anos.

O último piloto da Ferrari a vencer o GP do principado largando na pole-position foi o sul-africano Jody Scheckter, em 1979, e a previsão do tempo para a corrida de domingo é de chuva, que pode causar grandes danos na pista.   Continuação...

 
<p>Piloto de F1 Felipe Massa comemora ap&oacute;s tirar a pole-position para o Grande Pr&ecirc;mio de M&ocirc;naco de F&oacute;rmula 1 em Monte Carlo. Photo by Robert Pratta</p>