Demanda por empréstimos do BNDES supera orçamento em R$40 bi

quinta-feira, 14 de agosto de 2008 19:14 BRT
 

RIO DE JANEIRO (Reuters) - A demanda de investidores por financiamentos do BNDES já é 40 bilhões de reais superior ao orçamento da instituição previsto para este ano, de 80 bilhões de reais, disse quinta-feira o ministro do Trabalho, Carlos Lupi.

Segundo Lupi--que participou da reunião do Conselho de Administração do banco--, para atender os pedidos de empréstimos, o BNDES está procurando várias instâncias do governo com o objetivo de incrementar o orçamento de 2008.

O ministro disse que o banco solicitou ao Ministério do Trabalho, que administra os recursos da FAT (Fundo de Amparo ao Trabalhador) e do FGTS (Fundo de Garantia por Tempo de Serviço) uma ajuda de 10 bilhões de reais.

"Me pediram 10 bilhões para esse déficit de 40 bilhões. Estamos vendo quanto teremos condições de liberar. Eles querem esse dinheiro para ontem porque há um déficit grande entre os projetos aprovados e a disponibilidade orçamentária", disse a jornalistas o ministro.

"O BNDES está pedindo uma parte para o Tesouro e onde tem dinheiro, que é no FAT e no FGTS. Ele está tentando conjugar os fatores. Está difícil liberar dinheiro do FAT este ano, vamos liberar provavelmente pelo FGTS", disse.

LUCRO FORTE

O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social registrou um lucro líquido de 4,1 bilhões de reais no primeiro semestre deste ano.

Segundo comunicado divulgado pelo banco, "o desempenho foi influenciado pelas contribuições positivas do resultado com participações societárias, que atingiram 4,8 bilhões de reais, refletindo crescimento de 111,7 por cento em relação aos primeiros seis meses do ano anterior".

Apesar do resultado forte --o segundo maior da história do banco para um semestre--, ele ficou abaixo dos 4,4 bilhões de reais do primeiro semestre do ano passado, que foi beneficiado por eventos não recorrentes.   Continuação...